Notícias

Como cuidar dos dentes e da saúde bucal durante o inverno

Quando as temperaturas baixam, a tendência é ingerir alimentos mais calóricos e potencialmente nocivos aos dentes

A época mais fria do ano está chegando e, com as temperaturas mais baixas, a tendência é de que aumente a incidência de dor de dente entre as pessoas com maior sensibilidade. Isso acontece porque a boca tem temperatura equivalente à do corpo humano, entre 36°C e 37°C, enquanto a temperatura do ambiente costuma ficar entre 10°C e 15°C durante o inverno ou menor.

Tendência

Com as temperaturas baixas a tendência é que as pessoas consumam alimentos mais calóricos, ricos em carboidratos. Esta alteração na dieta pode afetar os dentes pois o aumento deste consumo altera a microbiota oral, aumentando a possibilidade do surgimento de caries.

Padrão normal

Mesmo em dias frios o ideal é manter uma alimentação padrão normal de consumo de carboidratos, caso não seja possível o número de escovações deve aumentar.

Gripes e resfriados

Outra característica do inverno que interfere diretamente na saúde bucal é a alta incidência de gripes e resfriados, estas são transmitidas pela boca e tem o ressecamento da cavidade oral devido à respiração ser alterada pelos sintomas.

Sinusite

A sinusite é mais uma doença muito comum nessa época do ano. Essa inflamação afeta os seios paranasais que, entre outros, abrangem o seio maxilar, onde se inserem as raízes dos dentes molares e pré-molares. Essas raízes são afetadas sempre que a sinusite se manifesta, provocando um incomodo parecido com a dor de dentes típica.

Compartilhe esta notícia!